ADP745

Antítese da Calma

Data
1940

Materiais e Técnicas
Óleo sobre tela

Medidas
100 x 80 cm

Inscrições
«A. Dacosta»
[frente, canto inferior esquerdo]

Coleção
Col. CAM- Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa (Inv. 80P121)

Historial
 Obra adquirida pelo CAM em 1980. A obra pertenceu até então a Ruy Cinatti, poeta, antropólogo e agrónomo português. 

Exposições
Individuais
EX-POEM. Casa Repe, Lisboa, Portugal, 11 - 23 novembro 1940
António Dacosta. Portugal, 23 fevereiro - 08 maio 1988
Pintura de António Dacosta / Paintings of António Dacosta. Galeria de Exposições Temporárias do Leal Senado, Macau, China, 11 - 27 junho 1999
António Dacosta - Scène Ouverte. Paris, França, 09 fevereiro - 19 março 2007
António Dacosta 1914 - 2014. Lisboa, Portugal, 17 outubro 2014 - 25 janeiro 2015

Colectivas
Portuguese Art Since 1910. Londres, Inglaterra, 02 setembro - 01 outubro 1978
Antevisão do Centro de Arte Moderna. Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, Portugal, julho - setembro 1981
Os Anos 40 na Arte Portuguesa. Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, Portugal, 30 março - 17 maio 1982
Arte Contemporáneo Portugués - Centro de Arte Moderna - Fundação Calouste Gulbenkian. Madrid: Museo Español de Arte Contemporáneo, Madrid, Espanha, fevereiro - março 1987
Eight Decades of Portuguese Painting - Calouste Gulbenkian Foundation. Guiness Hop Store, Dublin, Irlanda, 02 - 25 junho 1993
Oito Décadas de Pintura Portuguesa - Colecção da Fundação Calouste Gulbenkian. Museu de Arte da Bahía, Salvador, Bahía, Brasil, julho 1993
Portugal e a Guerra Civil de Espanha. Biblioteca Museu República e Resistência, Lisboa, Portugal, 1996
Surrealismo em Portugal - 1934 - 1952. Exposição Itinerante, Portugal e Espanha, 2001 - 2002
Equilíbrio e Indisciplina – Pintura Portuguesa dos Anos 1930-40 – 47 obras da colecção do Centro de Arte Moderna | José de Azeredo Perdigão. Galeria Diário de Notícias, Lisboa, Portugal, 23 maio - 13 julho 2006
Sinais da Arte Ibérica no Século XX. Centro Cultural de Chaves, Chaves, Portugal, 08 julho - 30 setembro 2010